Promoção!

4.95 3.71

REF: 9789898898456 Categoria: Etiqueta:

Detalhes

Capa

Mole

Dimensões

140 x 210 mm

Edição

03-2020

Idioma

Português

Páginas

176

Sobre o Autor

António Nobre

António Nobre

António Pereira Nobre nasceu a 16 de agosto de 1867, no Porto. Viveu a sua infância em Trás-os-Montes e na Póvoa de Varzim, até ingressar, em 1888, no curso de Direito da Universidade de Coimbra, tendo reprovado por duas vezes. Em 1890, partiu para Paris, onde acabou por se licenciar em Ciências Políticas, cinco anos depois. Durante a sua estadia em França conviveu com as novas tendências da poesia e familiarizou-se com o simbolismo. Ainda em Paris conheceu Eça de Queirós, que desempenhava nessa altura o papel de cônsul de Portugal. Foi esta a época mais prolífera do autor, em que escreveu a maior parte dos poemas que viriam a constituir a coletânea “Só”, publicada nesta mesma cidade.

O livro de poemas “Só” foi descrito pelo seu autor, em 1892, no ano da sua primeira publicação, como “o livro mais triste que há em Portugal”. A coletânea de poesia rememora uma infância feliz no norte de Portugal, marcada por sentimentos de nostalgia e de exílio, num perfeito equilíbrio entre subjetivismo, ironia e rutura com a estrutura formal do género poético da época em que se insere. Foi a única obra de António Nobre publicada em vida, constituindo um dos marcos da poesia portuguesa do século XIX.

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Só”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

three × three =