O bobo

Bibas é o bobo da corte do pai de D. Afonso Henriques. Por gozar da oportunidade de circular livremente pelo castelo de Guimarães e participar em todas as festas realizadas no reino, devido à sua profissão, é-lhe também possível tomar conhecimento de coisas de que mais ninguém sabe. Uma das vítimas das suas sátiras, o Conde de Trava, amante da rainha, castiga o Bobo, após ter sido exposto pelas suas críticas. Bibas procura então vingar-se contra o conde, e o curso que escolherá seguir para a sua vingança, levá-lo-á ulteriormente a participar numa luta pelo trono de Portugal. Uma personagem aparentemente irrelevante acaba por representar então um papel fundamental no desenrolar de acontecimentos históricos que, embora fruto de uma narrativa fictícia, reporta a todas as pessoas que não chegaram aos livros de História.

4.95

Esgotado

REF: 9789898898784 Categoria: Etiqueta:

Detalhes

Capa

Mole

Dimensões

140 x 210 mm

Edição

01-2021

Idioma

Português

Páginas

184

Sobre o Autor

Alexandre Herculano

Alexandre Herculano

Alexandre Herculano de Carvalho e Araújo nasceu em Lisboa, no dia 28 de março de 1810. Durante a sua infância e adolescência viveu as invasões francesas, o tempo do domínio inglês e a proliferação das ideias liberais. Recebeu uma educação clássica, mas viu-se impedido de ingressar no ensino superior face às impossibilidades financeiras da sua família. Adquiriu, não obstante, formação literária relevante através estudo de inglês, francês, italiano e alemão. Alexandre Herculano aderiu às ideias em voga na Europa da sua época, o que significa, portanto, que se identificava política e ideologicamente como liberal. Em 1831, envolveu-se numa revolta militar, o que o forçou a deixar Portugal e a exilar-se em Inglaterra e, mais tarde, em França. Regressou a Portugal já parte integrante do exército liberal, onde foi soldado ao lado de Almeida Garrett. Viveu os seus últimos anos na sua quinta, em Santarém, onde veio a falecer em 1877, eternizado hoje, contudo, como um dos mais importantes escritores portugueses no século XIX.

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “O bobo”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

5 + three =