Mistérios de Lisboa

4.95

REF: 9789898898531 Categoria: Etiqueta:

Detalhes

Capa

Mole

Dimensões

140 x 210 mm

Edição

01-2021

Idioma

Português

Páginas

712

Sobre o Autor

Camilo Castelo Branco

Camilo Castelo Branco

Camilo Castelo Branco nasceu no dia 16 de março de 1825, na freguesia dos Mártires, em Lisboa. Ficou órfão de mãe com 1 ano e de pai com 10 anos. Durante a sua infância, viveu com uma tia e, posteriormente, com uma irmã mais velha. Casou-se aos 16 anos de idade com uma jovem de 15, mas a relação durou pouco tempo. Em 1843 ingressou na Escola de Medicina no Porto, embora nunca tenha finalizado o curso. Poucos anos depois, começou a publicação das suas primeiras obras literárias. Camilo viveu uma vida atribulada, entre infortúnios familiares e desgostos amorosos. Em 1850, deu entrada no Seminário do Porto, pretendendo ingressar na vida religiosa. No mesmo ano, conhece Ana Plácido, mulher casada que acaba por abandonar o seu marido e fugir com Camilo. Este é eventualmente processado e preso por crime de adultério, tendo sido, no entanto, absolvido no ano seguinte, passando a viver com Ana em Lisboa. No ano de 1863, é publicado Amor de Perdição, a sua obra-prima. As novelas passionais de Camilo Castelo Branco, que se serviram em grande parte das suas vivências pessoais, fizeram deste autor o melhor representante do movimento ultrarromântico em Portugal.

Pedro, um órfão de 14 anos, conhece a trágica história da vida dos seus pais, quando embarca na procura da identidade de ambos. À sua volta, vários enredos vão surgindo no decorrer desta sua demanda, vidas interligadas e destinos entrelaçados, atravessando todo o século XIX. No mais longo romance da sua carreira, Camilo Castelo Branco aborda temas fulcrais da realidade social e política da época, como as convulsões provocadas pela guerra civil portuguesa e a crítica ao sistema de morgadio vigente.

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Mistérios de Lisboa”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

seventeen − two =